Mais notícias

segunda-feira, 24 de julho de 2017

CLAR 2017 - Celebração do DIA MUNDIAL CONTRA O TRÁFICO DE PESSOAS




LIBERDADE NÃO SE COMPRA DIGNIDADE NÃO SE VENDE


A Vida Consagrada na América Latina e Caribe está comprometida com UMA SOCIEDADE SEM TRÁFICO DE PESSOAS!

30 de julho

DIA MUNDIAL CONTRA O TRÁFÍCO DE PESSOAS

Proposta de Celebração

Utilize, com liberdade as sugestões que são oferecidas. Crie sua própria celebração, inclua elementos de reflexão, de acordo com a própria realidade da sua comunidade.

Ambientação: Prepare o lugar da oração, considerando que o azul claro é a cor para comemorar este dia. Você pode usar fotografias de pessoas em situação de tráfico, mulheres oprimidas, crianças em situação de exploração, mas também pensar na liberdade que é direito de todas e todos para ilustrar. 


CANTO: Dá-nos um coração grande para amar (ou outro canto que escolherem)

1. Motivação (a pessoa que está animando pode criar sua própria motivação, de acordo com a realidade da comunidade).

2. Oração inicial: Deus de Justiça e liberdade, nos reunimos diante de ti,
abraçados e abraçadas em solidariedade com nossas irmãs e irmãos que
vivem em escravidão em todas as partes do mundo (lembrar os
continentes...) Diante de ti, queremos fazer memória de milhões de
mulheres e homens que são vítimas da compra e venda para a exploração
sexual, para o trabalho forçado, o tráfico de órgãos, a servidão doméstica
e qualquer outra forma de abuso de sua dignidade e de seus direitos
humanos... Dá-nos tua força para nos unir ou criar redes de solidariedade
que nos ajudem a combater este abominável crime. Sabemos que tua
glória é a liberdade e a vida da pessoa humana e, por isso, te bendizemos
com nossas mãos e desde nossos passos comprometidos com a
liberdade e com a vida... Amém.

3. O relato de uma vítima em forma de poema... (pode ser lido por duas
pessoas)

- Já nem sei há quanto tempo fui enganada, mas vou contar-lhes minha triste
história... EU era uma menina que tinha uma pequena casa e um gato, um pai
alcoólatra e uma mãe amorosa. Quando adolescente me senti livre, um pouco mais livre para fazer aquilo que queria. Sair de casa era o que ansiava, ter uma
oportunidade, tudo o que tinha, eram meus desejos e minha inocência ingênua...



- Um dia, durante uma festa, chegou a oportunidade que tanto esperava... um
homem jovem, simpático aproximou-se de minha mesa... convidou-me para dançar e com prazer, aceitei e nos seguintes dias, pouco a pouco, me convenceu para que fosse à sua casa. Depois me disse que iria fazer uma longa viagem, se eu quisesse poderia acompanhá-lo, que seria sua esposa aonde quer que ele estivesse.

- Sem duvidar, aceitei sua inesperada proposta... já estava envolvida... fui à minha casa e sem falar nada, busquei minha roupa... à tarde parti de ônibus e depois de navio. Cheguei ao meu destino alguns dias depois. Quando chegamos, ele me deixou na casa de uns “amigos”... e, como não falavam o meu idioma, não os entendia... falou-me para esperá-lo e fazer o que eles dissessem... mas ele nunca mais voltou, me deixou sozinha... me abandonou... hoje, eu sei que fui vendida!

- Depois, estes homens me obrigaram a fazer coisas horríveis, eles me drogavam um pouco e assim ficava calma por um tempo... a droga converteu-se num vício que, só com mais sexo, podia pagar... depois chegaram outras mulheres que me contaram a mesma coisa... um homem simpático se aproximou de sua mesa e agora lamentamos terrivelmente essa triste história... NANCY

Se alguma pessoa no grupo conhece uma história de tráfico, este é um bom
momento para compartilhar... se surgem muitas histórias podem ser feitos
grupos pequenos para que todas/os possam compartilhar.

Texto Bíblico: Lucas 13,10-13

Num sábado, Jesus estava ensinando numa das sinagogas, quando se apresentou uma mulher que tinha um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos. Andava curvada, e não podia de modo algum endireitar-se. Quando Jesus a viu, chamou-a elhe disse:

- Mulher, estás livre de tua doença.
Nesse momento, colocou as mãos sobre ela e, no mesmo instante, a mulher
endireitou-se e começou a louvar a Deus.
Palavra de Salvação
Glória Vós Senhor!
Pontos de reflexão:
 Olhava para o chão. Não falava. Não sabia qual era sua medida.
 Não associava sua doença a ‘estar possessa’.
 Não podia olhar nos olhos... não sabia quando a olhavam.
 Vivia numa situação de permanente humilhação.
 Desafio para muitas pessoas hoje, especialmente mulheres: Endireitar-se,
recuperar o olhar para a realidade, dignificar-se, incluir-se na sociedade,
libertar-se, recuperar a autonomia e a liberdade.
 Sou capaz de endireitar-me, valer-me por mim mesma, ser autônoma e
independente?
 Sou capaz de olhar de frente e ir contra o estabelecido, de soltar aquilo que
carrego nas costas?
 Jesus a vê... ela se deixa olhar e começa a levantar sua própria vista!
Aconteceu o dia de repouso.
Há milhões de pessoas humanas escravizadas hoje... elas são obrigadas a olhar
para o chão, a permanecer encurvadas, a sentir vergonha de si mesmas. A compra e venda de pessoas humanas é um crime moderno, no qual, como consagradas e consagrados, escutamos o grito da vida que nos obriga a ir depressa.

Roda de partilha

Canto: É para liberdade que cristo Libertou (CF/2014) ou Um grito
pela Vida

Preces

Introdução
Rezemos com confiança e com o desejo sincero de trabalhar
comprometidas/os em tudo que pedimos a Deus:

1. Senhor Jesus, tu nos tens pedido que rezemos pela vinda do teu Reino. Te
rogamos que nos acompanhes na libertação das crianças, mulheres e
homens que são sequestrados, vendidos e abusados. Que tua justiça se faça
na Terra, assim como no Céu.
R: Dá-nos, Senhor, tua liberdade.
2. Senhor, rezamos pelos sobreviventes do tráfico de Migrantes. Cura suas
feridas e que possam reintegrar-se na sociedade.
R: Dá-nos, Senhor, tua liberdade.
3. Senhor, rezamos pelos governantes e por nossas sociedades. Que se
mantenham sempre vigilantes para evitar que as pessoas sejam introduzidas
clandestinamente, no mundo dos escravos/as e para que toda pessoa que
tenha o poder, trabalhe sinceramente para colocar um fim à escravidão da
pessoa humana.
R: Dá-nos, Senhor, tua liberdade.
4. Senhor, rezamos pelos traficantes e todos aqueles que estão envolvidos no
tráfico humano. Em tua misericórdia e justiça, converte seus corações. Faze-
os sair deste pecado, este crime contra a humanidade.
R: Dá-nos, Senhor, tua liberdade.
5. Rezemos por nós mesmas/os. Dá-nos a coragem de lutar contra a miséria
das vítimas do tráfico de pessoas. Faz-nos generosas/os para dar nosso
tempo, trabalho e recursos, a fim de libertar as pessoas que sofrem nas
trevas da escravidão moderna
.
R: Dá-nos, Senhor, tua liberdade.
6. Senhor, rezamos por todos que trabalham para acabar com as diversas
formas de escravidão e trafico; fortalece suas mãos e faz com que frutifique
seu árduo serviço profético em nossa história.
R: Dá-nos, Senhor, tua liberdade.
Preces espontâneas...



- Pai Nosso
- Canto a Maria. Magnificat ou outro
- Abraço da paz, da solidariedade e de compromisso.

“Uma das mais preocupantes feridas abertas no
mundo é o comércio de seres humanos, uma forma
de moderna escravidão. Através deste crime é
violada a dignidade dada por Deus, de tantos de
nossos irmãos e irmãs. Este é um verdadeiro crime
contra a humanidade”.
Papa Francisco – 2016


Nenhum comentário:

Postar um comentário